quarta-feira, 8 de abril de 2009


Deserto

A fome de ti
só me deserta nesse
deserto de mim.

Maria Maria

2 comentários:

Maria José Mamede disse...

Lírico!
Adorei essa introspecção.
Um abraço,

Maria Mamede

Guru Martins disse...

...versos trinos
densos
velozes
aprisionadores
femininos
contínuos
bons de ler
ou só de olhar
como deve ser
sem bla bla bla
assim volto sempre
e te convido a dar
uma olhada no balaio
vai lá...

bj